23/01/2016

Síndrome do Pânico / Crises de Ansiedade - Você não esta SOZINHO

23/01/2016




Olá amores do meu Brasil e do mundo ( vai que eu sou famosa lá fora né ) rsrs' 
Bom isso foi só para descontrair mesmo, o assunto de hoje é muito sério. Na verdade, venho por meu deste post mostrar a vocês o tamanho da seriedade que isso tem e que muitas pessoas não conhecem ou até mesmo pessoas que passam por isso e não entendem.
Vou dividir um pouco da minha história com vocês, porque senti em meu coração que devia fazer isso.. Sei que existem muitas pessoas que assim como eu não sabem direito o que estão passando e ficam assustadas. 
Eu desenvolvi Síndrome do pânico, após um trauma que sofri em 2012. Muitas pessoas não sabem, até porque não saio contando pra todo mundo tipo 
"- Prazer, eu tenho síndrome do pânico"


O QUE É A SÍNDROME DO PÂNICO ?
A síndrome do pânico é um transtorno psicológico, que consiste em crises de ansiedade e pavor de passar por crises novamente. Ela normalmente dura alguns minutos e o sentimento é de que tudo sai do controle e algo muito ruim esta para acontecer. 

Explicando em outras palavras é simples - Quando andamos em uma rua escura e vemos alguma pessoa estranha parada, logo nosso corpo reage através de um frio na barriga ou aceleramento cardíaco para mostrar que há uma situação de perigo, ou seja um extinto de sobrevivência que nos mantêm sempre alerta. 
Já nas crises de pânico essa ansiedade, angústia e pavor aparecem sem que haja nenhum perigo em volta. Ou seja, simplesmente você esta sentado na sua casa vendo um filme e você tem essa sensação de que vai acontecer algo muito ruim ou de que esta morrendo e etc.. 


SINTOMAS:
Existem pessoas com crises mais completas e que apresentam todos os sintomas que vou descrever abaixo ou apenas alguns deles, então aí vai:

- Taquicardia 
- Falta de ar 
- Tontura 
- Tremores 
- Náusea 
- Embaçamento da visão 
- Boca seca 
- Dificuldade de engolir 
- Suor 
- Ondas de calor ou de frio 
- Sensação de irrealidade ( aquela sensação de você estar ali, mas não esta ali )
- Medo da morte 

Geralmente como expliquei um pouquinho ai em cima, ela começa com um disparo de ansiedade que você já interpreta como algo negativo

PORQUE ACONTECEM ?
Não existe um porque em específico, mas é importante saber que qualquer pessoa esta sujeita a ter crises do pânico. Existem alguns fatores presentes em quem desenvolve a síndrome. Elas podem aparecer devido a um estresse muito grande, ou por um trauma, crises existenciais, crises profissionais ou até mesmo alguma mudança brusca na vida.


EXISTE TRATAMENTO ?
Sim, existe tratamento e não ache que você vai ficar assim para sempre. 

Primeiro passo - Não tente fingir que não esta acontecendo. 
Segundo passo - Procure ajuda, leia artigos na internet que te façam entender o que esta acontecendo. Marque um Psiquiatra (eu sei que muita gente tem um certo preconceito com psiquiatras mas acreditem eles vão te ajudar).
Terceiro passo - NUNCA TOME MEDICAMENTOS POR CONTA PRÓPRIA! Caso a seu psiquiatra fale que você tem que fazer tratamentos com remédios, nunca pare de tomar por conta própria. É muito importante dizer que o remédio só ajuda a controlar, ele não te cura, então se você tomar o remédio e não fizer a terapia, não vai adiantar nada.
Quarto passo - Faça terapia e seja feliz. Sério gente, terapia ajuda muito, eles ensinam técnicas muito boas para combater esse sentimento ruim. 


Quando aconteceu comigo a minha primeira crise, eu não sabia bem o que estava acontecendo, eu simplesmente achei que ia morrer, senti minhas pernas trêmulas, comecei a suar frio, minha pressão subiu muito, sentia um desconforto horrível na cabeça, tive desconforto abdominal. Achei que estava com problemas de pressão por ser gordinha, pois bem, marquei cardiologista, fiz todos os exames e adivinhem ? Eu não tinha nada. Porém continuou acontecendo isso comigo várias e várias vezes e era uma sensação muito ruim. Até que resolvi marcar um psiquiatra porque eu já estava ficando maluca. Minha psiquiatra me diagnosticou com a síndrome do pânico e disse que eu teria que fazer um tratamento a base de medicação e terapias. EU DECIDI QUE ERA MUITO NOVA pra começar com medicamentos e então não queria me tratar. Passei 2 anos inteiros bem, sem sentir nada e ai agora no final de 2015 VOLTOU. E acreditem, voltou pior. Fui na psiquiatra novamente e decidi que deveria fazer o tratamento. Agora eu falo para vocês estou muito bem, é claro que o remédio não age do dia pra noite e eu ainda tenho algumas crises, mas estou aprendendo a lidar com elas através da terapia e elas duram bem menos e a intensidade também é bem menor. 

CASO VOCÊ TENHA SE IDENTIFICADO COM ALGO QUE EU FALEI SIGA OS PASSOS ! E se você tem ou teve alguma experiência do tipo, pode contar comigo, eu vou responder todas as dúvidas que tiverem. Não se culpem, vocês não tem culpa de nada. 

VOCÊ NÃO ESTA SOZINHO. 




10 comentários:

  1. A minha também voltou em 2015 e alias não estou bem hoje mas vamos ficar bem porque Deus não quer isso pra nós, você estará em minhas orações sz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Força para nós duas ! Deus sempre está conosco, pode ter certeza que você também estará em minhas orações ❤️

      Excluir
  2. Oi minha irmã tem isso e é uma coisa muito ruim segundo ela,, te onvido a vir e conhecer meu blog! www.spaceteenblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Pede pra sua irmã ler o post, talvez ajude ❤️

    ResponderExcluir
  4. Não sei se é a mesma coisa, mas quando eu era mais nova, tava tranquila em casa e de repente dava um surto (se é que posso chamar assim), eu sou católica, eles falam para as crianças que quando morrem ficam no céu pra sempre, e eu me apavorava com aquele 'SEMPRE', ficava muito assustava, aí eu ia correndo falar com minha avó, aí ela sempre me acalmava, mas dava isso direto, um incômodo, aluna coisa no coração, tipo um aperto era horrível. Hoje em dia não sinto mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você não sente mais. E esse post fez você saber que já teve crises de ansiedade e nem sabia o que estava sentindo. Espero ter ajudado. <3

      Excluir
  5. O transtorno do pânico é realmente algo muito sério e que pode causar danos irreparáveis na vida de uma pessoa, como por exemplo: nunca mais querer sair de casa sozinha, sem alguém em que tenha segurança. Fico muito feliz que você tenha começado o tratamento, pois sem ele, é muito difícil uma melhora significativa, e aí acaba acontecendo como com você, volta e volta pior. Mas como já começou, só vai melhorar daqui para a frente, tenho certeza. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Carol, como eu disse eu demorei muito para aceitar que eu realmente só me curaria de uma vez por todas quando fizesse meu tratamento. Graças a Deus, agora estou fazendo tudo certinho e quero melhorar logo. Obrigada pela força <3

      Excluir
  6. As pessoas não sabem o quão grave é esse transtorno até se informar mais sobre isso. Você foi muito muito feliz em fazer um post desse, principalmente por ele ter tantas informações e proporcionar conhecimento as pessoas. Parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Martinha, e sim as pessoas não sabem o quão grave é. Espero ter ajudado você e muitas outras pessoas através desse post. <3 Fico feliz que tenha gostado.

      Excluir

Comente aqui ❤️

Gabriella Damazio 2016 © Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento por Moonly Design